MercadosNotícias

Verizon perto de comprar a Yahoo

Yahoo-Verizon

Segundo uma notícia da Bloomberg, a operadora americana de telecomunicações Verizon está prestes a chegar a acordo com a Yahoo para a aquisição dos activos online por um valor que, segundo as fontes da Bloomberg, rondará os 5 mil milhões de dólares, cerca de 4,5 mil milhões de euros. No entanto, o acordo não incluirá o portfolio de patentes da Yahoo.

Também não se sabe, neste momento, se este valor inclui o bens imobiliários da Yahoo.

A confirmar-se, este acordo vai pôr termo a um processo de licitações sobre os activos da Yahoo, que já se arrasta há meses que foi iniciado pelas declarações da CEO, Marissa Mayer, que a empresa iria procurar alternativas estratégicas, incluindo a venda dos seus principais negócios online. Estas declarações surgiram depois do spinoff falhado da quota que a Yahoo detém no Alibaba Group Holding, que, por sua vez, detém a loja online Alibaba, a maior loja online da China.

Os outros concorrentes à aquisição dos negócios da Yahoo, foram a AT&T, a Quicken Loans, a Vector Capital Management, a TPG e Dan Gilbert, um dos fundadores da Yahoo.

A Verizon surgiu em 2000 e é fruto da fusão entre a Bell Atlantic e a GTE. Recentemente veio a público que a Verizon seria o principal parceiro da NSA no esquema de vigilância não autorizada dos cidadãos norte americanos.

A Yahoo foi criada em 1994 e foi a empresa pioneira dos motores de busca para a Internet. Em 2008 esteve para ser comprada pela Microsoft e em 2013 adquiriu o serviço de blogging Tumblr por 1,1 mil milhões de dólares. No mesmo ano a Yahoo comprou a empresa responsável pelo browser Rockmelt.

Marissa Mayer é CEO da Yahoo desde Julho de 2012.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×