NotíciasSegurança

Malware HummingBad está a ser utilizado para realizar ataques contra redes e dispositivos de empresas

HummingBad-New-01

A Check Point Software Technologies Ltd. revelou uma lista com as famílias de malware mais comuns utilizadas para atacar as redes e os dispositivos empresariais a nível mundial.

Pela primeira vez, os ataques de malware dirigidos a dispositivos móveis entram no Top10 dos ataques mais frequentes. Concretamente, o até agora desconhecido malware HummingBad ocupa a sétima posição entre o malware mais comum utilizado para realizar ataques contra redes e dispositivos de empresas.

Descoberto pelos investigadores da Check Point, o HummingBad ataca dispositivos Android, estabelecendo um rootkit persistente – um programa malicioso oculto ao controlo de administrador ou utilizador e que activa privilégios para o atacante.

O rootkit do HummingBad consegue instalar aplicações fraudulentas e permitir actividades maliciosas como a instalação de ferramentas key-logger ou registo do teclado, roubo de credenciais, assim como capturar conteúdos encriptados do e-mail, com o objectivo de interceptar informação empresarial.

A Check Point identificou um total de 1400 famílias diferentes de malware em todo o mundo durante o passado mês de Fevereiro. Além disso, pelo segundo mês consecutivo, as famílias Conficker, Sality e Dorkbot foram as três com maior prevalência em termos globais, representando em conjunto 39% do número total de ataques.

No que se refere ao malware dirigido a dispositivos móveis, as três famílias com maior prevalência a nível mundial foram a HummingBad, AndroRAT e Xinyin.

Via Check Point Software Technologies Ltd.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×