Epson esclarece mitos sobre a impressão a jacto de tinta

Um estudo independente solicitado pela Epson, que envolveu a participação de mais de 3600 inquiridos, desvenda diversos mitos infundados sobre a impressão a jacto de tinta. 1. ‘A tecnologia...
Epson-Hardware-01

Um estudo independente solicitado pela Epson, que envolveu a participação de mais de 3600 inquiridos, desvenda diversos mitos infundados sobre a impressão a jacto de tinta.

1. ‘A tecnologia jacto de tinta é mais cara que a impressão laser’

Os clientes que utilizam a tecnologia jacto de tinta obtêm um número de cópias até quatro vezes e meia superior com dois cartuchos por cor do que com as impressoras laser.

2. ‘Com as impressoras laser obtém-se uma produtividade maior do que com a tecnologia jacto de tinta’

As impressoras a jacto de tinta imprimem a primeira página até 3,5 vezes mais rápido que as laser, além de reduzir em até dois terços o tempo dedicado a intervenções.

3. ‘A qualidade da impressão laser supera a da tecnologia jacto de tinta’

A tecnologia jacto de tinta garante uma qualidade profissional porque a forma e o volume das gotas de tinta são controlados com precisão. Os injectores das impressoras a jacto de tinta com PrecisionCore conseguem até o triplo de densidade do que as cabeças de impressão piezoeléctricas tradicionais, com resoluções nativas de 600 ou 720 ppp por chip de impressão.

4. ‘A tecnologia jacto de tinta é ruidosa’

As impressoras a jacto de tinta são até 18% mais silenciosas do que as laser. Os modelos WorkForce Pro são até 18% mais silenciosos do que as impressoras e fotocopiadoras laser.

5. ‘A tecnologia jacto de tinta não é tão fiável como a tecnologia laser’

A tecnologia jacto de tinta não requer intervenções com tanta frequência como as impressoras laser, o que a torna mais fiável.

6. ‘A tecnologia jacto de tinta não é ecológica’

A tecnologia jacto de tinta consegue reduzir a maioria dos resíduos de impressão e consome 82% menos energia do que as impressoras laser. Tradicionalmente, o habitual em contextos de escritório era a impressão a laser. O jacto de tinta só era considerado adequado para mercados comerciais como o sector têxtil, rotulagem ou produção em grande escala.

Via Epson.

Categorias
Notícias

Terra. Europa. Portugal. Lisboa. Elite: Dangerous. Blade Runner. Star Trek. Star Wars. Kraftwerk. Project Pitchfork. Joe Hisaishi. Studio Ghibli.
Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link