HardwareMultimediaNotíciasSegurança

Check Point identifica vulnerabilidade de segurança no EZCast

Check-Point-01

A Check Point Software Technologies anunciou que identificou uma vulnerabilidade relacionada com o EZCast, um dispositivo com saída HDMI que permite que os televisores não conectados à Internet se transformem em Smart TVs.

Os resultados da investigação mostram como um cibercriminoso seria capaz de obter acesso total não autorizado à rede doméstica de qualquer utilizador do EZCast, assumindo o controlo sobre os seus dispositivos domésticos e comprometendo a segurança de toda a informação pessoal disponível.

Calcula-se que o EZCast é utilizado por cerca de 5 milhões de utilizadores em todo o mundo que o têm instalado na sua rede Wi-Fi e que o controlam através do smartphone ou PC. O uso crescente deste tipo de dispositivos reflecte a tendência cada vez maior de ligar dispositivos domésticos à Internet das Coisas (IoT), algo que para os especialistas em segurança coloca grandes desafios.

«Os cibercriminosos aplicarão formas criativas de explorar qualquer tipo de falha que exista num mundo cada vez mais conectado», sublinha Rui Duro, Sales Manager da Check Point para Portugal.

O conceito IoT compreende uma ampla gama de dispositivos, desde gadgets de consumo até aos automóveis, passando por sofisticados sistemas industriais. O adaptador EZCast, de acordo com a Check Point, é um exemplo de como um dispositivo ligado à Internet é capaz de transferir dados através da rede sem exigir antes uma interacção humana ou uma interacção pessoa-máquina.

Via Check Point.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×