AMD dá mais detalhes sobre os futuros APU Carrizo

AMD

A AMD aproveitou a conferência International Solid State Circuits Conference (ISSCC) que decorre até dia 26 deste mês em São Francisco, Califórnia, para fornecer mais detalhes sobre o seu novo APU (Accelerated Processing Unit) para computadores portáteis e pequenos desktops. A grandes novidades deste modelo são os sistemas de gestão de energia e as melhorias de desempenho no processamento normal através da utilização dos novos CPU Excavator x86 e dos GPU Radeon de nova geração.

Os APU baseados na arquitectura Carrizo vão incluir 29 por cento mais transistores (3.1 mil milhões) sem alterar substancialmente o tamanho do processador em relação ao modelo anterior, denominado Kaveri. O novo CPU Excavator x86 consegue executar mais instruções por cada ciclo de relógio e gasta 40% menos energia, o que, segundo a AMD, vai fazer com que, percentualmente, a melhoria de desempenho e o ganho no tempo de vida das baterias entre cargas se situe nos dois dígitos.

Os novos GPU vão ter alimentação eléctrica própria e um descodificador de vídeo H.265 por hardware para que se consiga reproduzir imagens em 4K.

Os novos SoC vão ter, pela primeira vez, um chip Southbridge integrado.

A AMD explicou na conferência que criou várias tecnologias novas para incluir na arquitectura Carrizo, como as que servem para optimizar a voltagem que chega ao SoC que permitem dispensar o excesso de voltagem (entre os 10 e os 15% a mais) que a maioria dos os outros processadores necessitam para compensar quedas de voltagem momentâneas durante o funcionamento do dispositivo.

Via Maximum PC