Samsung Galaxy Note 4

Recorrendo à nova linha de design estreada no Galaxy Alpha, o Note 4 passa a usar uma estrutura em alumínio, abandonando de vez (e ainda bem) a velha moldura em plástico brilhante que lhe dava um aspecto demasiado “Chinês”.

Porém, existem outros elementos que se mantém quase intactos, como a tampa traseira com a textura a imitar pele, algo que curiosamente não destoa com esta nova estrutura em alumínio (felizmente deixaram de parte a imitação das costuras na tampa). O facto de existir esta tampa significa que poderá continuar a contar com a presença de uma bateria que pode ser substituída, bem como a presença de um leitor de cartões MicroSD para expandir os 32GB de espaço para armazenamento existentes.

 

note-4-spen

A bateria, de 3220 mAh, garante uma autonomia muito boa para um dispositivo com um ecrã destas dimensões, e tem a particularidade de, em conjunto com o carregador de carga rápida fornecido, carregar na totalidade numa fracção do tempo de um carregador tradicional.

Por se tratar de um equipamento topo de gama, estamos perante um Smartphone com um ecrã de 5,7 polegadas, que graças à tecnologia Super AMOLED e à elevada resolução (2560×1440 pixéis) garantem uma das melhores qualidades de imagem que já assistimos num dispositivo móvel.

No que toca a componentes, o Note4 pode vir equipado com duas configurações distintas, mas a Samsung decidiu que para Portugal faria mais sentido o uso do modelo Quad-Core, composto pelo novo Qualcomm Snapdragon 805, que funciona a velocidades que podem ir aos 2,7GHz, o que garante um desempenho de topo, como os 46913 pontos registados no Antutu Benchmark 5.3.

De resto temos tudo o que poderíamos desejar, como 3GB de memória RAM, ligação 4G LTE, Wi-Fi 802.11ac, Bluetooth 4.1, NFC, sensor de imagem traseiro de 16 megapixéis com sistema de estabilização de imagem óptico e objectiva com abertura f/2.2, sensor frontal de 3,7 megapixéis com abertura f/1.9, capacidade de captação de vídeo em 4K (3840×2160 pixéis a 30fps).

Face a tudo o resto que existe no mercado, o único capaz de rivalizar com o Note 4 é, sem sombra de dúvidas, o novo iPhone 6 Plus, mas o modelo da Samsung consegue ser superior em praticamente tudo, e tem a vantagem de ter um Stylus para poder escrever apontamentos sempre que precisar. É impossível pedirmos mais à Samsung, embora saibamos que nem todos possam gostar das elevadas dimensões deste equipamento.

Esta análise foi publicada originalmente na PCGuia 227