PCGuia

Apple concorda que o governo chinês faça uma auditoria de segurança ao iOS

A Apple concordou que o governo chinês faça uma auditoria de segurança ao iOS de forma a garantir que os equipamentos estão livres de backdoors e de outros mecanismos que possam vir a ser utilizados para a recolha de informações.

Isto, de acordo com a notícia do site Tom`s Hardware, surge depois de ter sido descoberto nos documentos da NSA divulgados por Edward Snowden que diversas empresas tecnológicas permitem que os serviços secretos dos EUA acedam ao seu software e às suas redes para espiar outras nações.

Via Tom`s Hardware.

Exit mobile version