As 10 perguntas mais difíceis de entrevistas de emprego feitas por empresas de tecnologia

Se alguma vez for a uma entrevista de emprego da Amazon, Google, Microsoft ou Facebook prepare-se para que lhe suguem o sangue! Vai ter tudo, menos as perguntas do costume. «Quais são os seus pontos fortes e fracos» ou «Está disposto a trabalhar aos fins-de-semana» são brincadeiras de crianças ao pé das perguntas feitas pelas grandes multinacionais tecnológicas.

O site BusinessInsider reunir algumas das mais complicadas perguntas feitas em entrevistas de trabalho na Microsoft, Facebook, Twitter e Google e o que lhe podemos dizer é que a leitura deste artigo não é aconselhada a pessoas sensíveis. Proteja o pescoço!

GOOGLE
1 – Vamos dar-lhe uma caixa cheia de lápis. Diga-nos 10 coisas que fazia com eles sem ser os usos tradicionais.
Cargo: Assistente Administrativo

MICROSOFT
2 –
Como é que faria uma review a um elevador?
Cargo: Engenheiro de Software

AMAZON
3 –
De que forma é que resolvia os seus problemas se fosse de Marte?
Cargo: Gestor de Recursos Humanos

TWITTER
4 –
Por que é que não o devíamos contratar?
Cargo: Gestor de Recursos Humanos

SONY
5 – Se fosse um produto da Sony, qual seria?
Cargo: Vendedor

TESLA MOTORS
6 –
De que forma explicaria o que é um dinamómetro a uma criança de oito anos?
Cargo: Engenheiro Técnico

ELECTRONIC ARTS
7 –
Qual foi o seu maior falhanço profissional?
Cargo: Engenheiro de Software

GOLDMAN SACHS
8 –
Há um número infinito de pontos pretos na fuselagem de um avião. Como nos prova que a distância entre dois pontos é uma unidade?
Cargo: Analista de Tecnologia

FACEBOOK
9 –
Um gang russo rapta-o. Num revólver de seis tiros colocam duas balas, rodam o tambor e disparam contra si. A arma não dispara e você continua vivo. Em seguida perguntam-lhe se quer que rodem o tambor outra vez e disparem ou que continuem a disparar sem rodar o tambor. Para cada opção, qual é a probabilidade para ser alvejado?
Cargo: Analista de Marketing Web

MORGAN CHASE
10 –
Conte-nos uma piada
Cargo: Analista Financeiro

Exit mobile version