Google nega gasto excessivo de bateria da app Google Now para iOS

Google Now iOS

No início desta semana foi noticiado que o Google Now, o assistente pessoal disponível para smartphones e tablets com sistema operativo Android, passou a estar disponível para iOS sob a forma de uma actualização da aplicação Google Search.
Segundo a notícia da CNET, pouco tempo após a disponibilização alguns utilizadores começaram a reclamar que o Google Now fazia com que a carga das baterias dos seus iPhones e iPads se gastasse mais rapidamente. A Google já respondeu dizendo que esses relatos são incorrectos. A actualização para a aplicação Google Search foi concebida para utilizar as torres de telecomunicações móveis e os hot spots Wi-Fi, de forma a ter um menor impacto nas baterias, enquanto outras aplicações necessitam que o GPS esteja ligado constantemente e como tal gastam a bateria.
A empresa de Mountain View disse ainda que o Google Now foi testado extensivamente no iOS ao longo de vários meses e que não foram registados impactos significativos nas baterias dos dispositivos.

Exit mobile version