Abelhas robóticas levantam voo (Vídeo)

Robobee 01

Depois de mais de uma década em desenvolvimento, os cientistas da Universidade de Harvard conseguiram que umas pequenas abelhas robóticas, chamadas “Robobee”, levantassem voo.
Segundo os cientistas, estas abelhas, extremamente leves, conseguiram pairar por uns instantes e, em seguida, voaram através de uma “rota predefinida”.
Segundo a notícia da CNET, este projecto, que foi concebido com o propósito de estudar o voo dos insectos, foi buscar a inspiração à biologia de uma mosca.
As asas destas abelhas robóticas batem a um ritmo de 120 vezes por segundo, graças a uns actuadores piezoeléctricos, pequenos fios de cerâmica que se expandem e contraem quando é aplicada uma corrente eléctrica. No entanto, a verdadeira tecnologia real está no corpo das abelhas, que é onde se encontra armazenado o sistema de controlo.
Assim que estes cientistas conseguirem aperfeiçoar o desenho da Robobee, passará então a ser possível produzir em massa, e facilmente, através de um processo completamente automatizado.