Microsoft Portugal alerta para telefonemas fraudulentos

A Microsoft Portugal divulgou um alerta junto de todos os seus parceiros e consumidores para a existência de telefonemas fraudulentos que, ao longo das últimas semanas e de forma crescente nos últimos dias, têm sido efectuados em nome da Microsoft.
No âmbito daquela que constitui uma estratégia de malware concertada e organizada, de amplitude internacional, vários parceiros e consumidores têm sido contactos em nome da Microsoft, alegando que o seu PC foi infectado por um vírus e que a sua resolução e contínua utilização do sistema operativo Windows exige a concretização de uma série de comandos. É mencionado, ainda, que o problema pode ser resolvido, nomeadamente, através da compra de pacotes de suporte anuais.
Os scammers, como são conhecidos estes malfeitores, contactam individualmente consumidores e parceiros fazendo-se passar pelo departamento de segurança de Informática, pela equipa de suporte técnico, de reserach e desenvolvimento ou até mesmo por entidades que actuam na área da segurança. Em alguns casos, fazem-se passar por parceiros com certificado profissional, a fim de conquistarem a confiança das vítimas e muitas das vezes os contactos parecem verdadeiramente profissionais e credíveis. Através de listas telefónicas de acesso público têm acesso ao nome e outras informações pessoais, e podem até mesmo saber qual o sistema operacional que as vítimas estão a utilizar.
Através de variadíssimas técnicas, procuram obter detalhes dos cartões de crédito e induzem a instalação de software malicioso através do qual conseguem obter dados confidenciais ou aceder remotamente ao computador, alterando as configurações de modo a deixar o computador vulnerável. Podem, ainda, direccionar o consumidor para websites fraudulentos, pedindo-lhe que entre com os seus dados bancários e informações pessoais e financeiras. O impacto para as vítimas varia entre a perda financeira directa, o roubo de identidade e malware nos seus computadores.
A Microsoft está a acompanhar este processo, à escala internacional, alertando desde já os consumidores e parceiros para a ocorrência deste tipo de estratégia e para as suas consequências e para o fato de que nenhum destes contactos é concretizado pela Microsoft, nem por nenhum dos seus parceiros.
Para qualquer dúvida deve ser contactado o serviço de apoio ao cliente da Microsoft, o 808 22 32 42.